Apneia do Sono e Doenças Cardiovasculares – O Que Uma Condição Tem a Ver Com a Outra?

Admin2

30/03/2022

Apneia do sono e problemas cardiovasculares

A apneia do sono é caracterizada por interrupções na respiração. Para ser confirmado o quadro, além de diversas outras análises, essas paradas precisam ocorrer, no mínimo, cinco vezes em um período de uma hora. 

A apneia do sono normalmente está associado ao sintoma do ronco, mas, muito mais do que o incômodo para cônjuges ou, muitas vezes, outros moradores da casa, essa condição é bastante preocupante para a saúde, porque cada interrupção representa uma pausa na entrada de ar para o organismo. Sendo assim, a concentração de oxigênio no sangue é reduzida.

Existem várias consequências associadas a esse quadro, uma delas é a ocorrência de doenças cardiovasculares. Continue lendo para entender melhor a relação! 

Qual a relação entre apneia do sono e doenças cardiovasculares?

A falta de oxigênio circulante no sangue é um problema para diversos órgãos e funções do corpo humano. Uma das consequências mais sérias da apneia do sono é a superativação do sistema nervoso. Como resposta, ocorre a elevação dos batimentos cardíacos e contração dos vasos sanguíneos.

Isso é um fator de risco para o desenvolvimento de hipertensão, fibrilação atrial e arritmias cardíacas. Os pacientes com distúrbio do sono tem quatro vezes mais chances de apresentar problemas cardiovasculares do que os que não possuem apneia. 

As pessoas diagnosticadas com esse quadro também têm 2,5 vezes mais probabilidade de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).

Caminhos possíveis para o tratamento de distúrbios respiratórios do sono

É preciso avaliar cada caso de apneia do sono cuidadosamente para entender as causas do distúrbio e propor tratamentos eficientes que levem mais qualidade de vida aos pacientes. Em algumas situações, o uso de aparelhos ortodônticos podem resolver a questão, já em outras é preciso recorrer a procedimentos cirúrgicos.

Contudo, o método mais recomendado pela Organização Mundial da Saúde, graças a sua notável eficácia, é o uso da Terapia do Sono com Pressão Positiva nas Vias Aéreas através de um equipamento conhecido como o CPAP. 

O aparelho gera um fluxo de ar contínuo para o sistema respiratório do paciente cessando as interrupções de suprimento de oxigênio para o organismo. 

Essa medida, além de garantir o bem-estar do indivíduo no sono e ao longo do dia, também é importante como um tratamento multidisciplinar para prevenir e também amenizar e auxiliar no tratamento de diversas doenças cardiovasculares, já que 40% a 70% das pessoas com insuficiência cardíaca apresentam apneia. 

Para saber mais sobre esse assunto, confira também o artigo sobre a melhor abordagem terapêutica para pacientes com apneia e descubra como aumentar a sua qualidade de vida!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar para o Blog