Ventilador e Respirador Pulmonar: como funciona e salva vidas

Ventilador e Respirador Pulmonar

O ventilador pulmonar, também chamado em alguns momentos de respirador pulmonar, é um equipamento essencial para a manutenção da respiração em pacientes que apresentam alguma deficiência respiratória, seja ela transitória ou permanente.

Com o auxílio desses aparelhos, o paciente pode encontrar um conforto no momento de respirar e evita irritar os pulmões ao fazer força para conseguir realizar essa ação tão primordial para o corpo humano.

Ainda que sejam de conhecimento geral da sociedade, é importante identificar as diferenças entre as terminologias ventilador e respirador em cada contexto; e também saber como esses equipamentos agem e podem salvar vidas.

Ventilador Pulmonar e Respirador: como funciona e como salva vidas?

Ventiladores e Respiradores pulmonares são equipamentos têm presença recorrente nos CTIs e UTIs dos grandes hospitais públicos e privados do país, salvando muitas vidas diariamente. Provando a sua importância e agilidade, principalmente em tempos adversos, como a pandemia do Covid-19.

Sendo assim, é fundamental que saibamos como esses aparelhos funcionam e quais atuações exercem para a melhoria da saúde do paciente e se é possível mantê-lo em domicílio.

Qual a diferença entre os termos ventilador e respirador pumonar?

Em muitos contextos, principalmente no meio jornalístico e popularmente falando, os termos podem ser utilizados como sinônimos. Mas na origem e princípio de funcionamento dos aparelhos há diferenças. Resumidamente, consideramos respiradores qualquer instrumento que facilite ou auxilie no processo de respiração. Ou seja, o termo pode designar tanto um aparelho mecânico (manual ou automático),  quanto uma máscara que filtre o ar, um nebulizador, ou outro instrumento que auxilie na troca de gases do ser humano com o ambiente.

ventilador pulmonar se refere mais especificamente ao equipamento mecânico que pode ser capaz de susbstituir o esforço respiratório do paciente realizando por ele a troca de gases quando o organismo está incapaz de concluir o processo com eficácia.

Como atua um ventilador pulmonar no corpo humano?

Durante o movimento natural da respiração, troca de gases são realizadas para a manutenção adequada dos tecidos dos órgãos. Quando essa ação involuntária é prejudicada por alguma doença ou acidente, a atuação do ventilador pulmonar torna-se essencial.

O ventilador pulmonar pode atuar de três modos:

  • através das vias orais,
  • vias nasais
  • ou traqueostomia.

O equipamento envia o ar para os pulmões, possibilitando a troca de gases, e realiza também o movimento de expiração, com a retirada da pressão, atuando como um pulmão artificial substituindo o pulmão do paciente.

Existem diversos modelos de ventilador pulmonar adequados para diferentes situações e grau de complexidade dos pacientes. Eles podem ser:

  • do tipo portátil, para um pré-atendimento em uma situação de emergência,
  • podem ser de transporte, utilizados em ambluâncias e UTIs móveis,
  • de fisioterapia, para auxiliar na recuperação,
  • do tipo avançado, indicados para CTIs e UTIs, para o tratamento de casos críticos e pacientes graves;
  • de uso individual contínuo, para pacientes com problemas respiratórios irreversíveis.
  • entre outras aplicações.

Descubra aqui como  escolher o modelo ideal de ventilador pulmonar para cada ambiente

Ventilação pulmonar para salvar vidas

As falhas no movimento natural da respiração podem ocorrer por doenças ou falhas congênitas no pulmão e no coração. O que pode vir a ocasionar até mesmo que paciente necessite do suporte do equipamento durante toda a sua vida.

Esse suporte gerado pela ventilação artificial tem como objetivo salvar vidas e dar ao paciente uma melhor qualidade de vida ou capacidade de recupeção plena.

Por se tratar de um equipamento crítico, vale lembrar que é extremamente necessário que o equipamento siga todas as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Assim, estará evitando possíveis problemas, que podem surgir e prejudicar ainda mais a saúde do paciente. Você pode conferir o cumprimento dessaas exigências através do número de registro do equipamento, que é concedido por um tempo delimitado pela agência.

Entenda nesse artigo exclusivo as características de um ventilador pulmonar para tratamento Avançado em CTI  para pacientes acometidos pela COVID-19)

Como atua um respirador no corpo humano?

Normalmente mais utilizados para auxiliar na recuperação da condição respiratória, o respirador, auxilia na melhoria da respiração de pacientes que sofrem com algum desconforto pulmonar. Seu objetivo é aliviar dores e facilitar na busca pelo ar.

O respirador é usado, geralmente, em pacientes com problemas respiratórios e com condições de evolução do quadro para uma possível embolia pulmonar. Diferente do ventilador pulmonar, o respirador é um termo que pode ser usado por qualquer aparelho que auxilie a melhora da respiração.

Sendo assim, podemos entender que pacientes que sofrem de bronquite e asma, por exemplo, podem ter o suporte de um respirador artificial por meio dos aparelhos de nebulização, por exemplo. Cujo uso é recomendado durante toda a vida e deve também seguir um padrão de qualidade para evitar danos à saúde.

Como informado, até mesmo máscara de purificação de ar para uso de proteção individual que contenham filtros de ar, como a máscara N95, por exemplo, também podem ser considerados um tipo de respirador por facilitar a respiração do filtrar o ar ambiente.

Outro equipamento essencial em um CTI para tratamento de COVID, são os monitores. Aproveite para conhecer os melhores modelos de monitor multiparamétrico.

Especialmente durante a pandemia do novo coronavírus, os respiradores e ventiladores pulmonares vêm exercendo grande importância como um dos mais rlevantes auxílios para os médicos, que trabalham na frente de combate para salvar vidas.

Segundo médicos especialistas da Universidade Federal do Rio de Janeiro, em uma matéria para o Canal Tech, a boa manutenção do respirador e do ventilador pulmonar é o fator determinante para tentar diminuir o número de mortos diários causados pela doença. Caso não existissem as opções de respiração artificial, o Covid-19 seria ainda mais devastador para o país.

A principal função desses aparelhos para salvar vidas é a retirada do dióxido de carbono (CO2) do corpo e realizar a substituição para o oxigênio (O2). Por isso, é importante adquirir marcas de qualidade e que cumprirão com o seu papel na defesa da vida.

Sendo assim, é essencial garantir a compra de respiradores e ventiladores artificiais para as unidades de saúde de todo o país. Com essa garantia, pacientes acometidos com outras doenças e que necessitem da ajuda da respiração artificial poderão contar com uma oportunidade a mais na melhora de sua condição de saúde com mais rapidez e conforto.

Dessa maneira, se você trabalha diretamente com os aparelhos ou precisa encontrar um equipamento de qualidade para alguém da família, fale com nossos especialistas para esclarecer suas dúvidas a respeito.

Com mais de 30 anos de atuação no mercado de equipamentos médicos, a CMOS DRAKE segue atuante como referência em tecnologia médica com a incorporação das melhores tecnologias do mundo na indústria brasileira segundo rígidos padrões de qualidade da ANVISA.

CONHEÇA O VENTILADOR PULMONAR AVANÇADO PARA CTI RUAH

E além dos ventiladores pulmonares, na CMOS DRAKE você ainda encontra outros equipamentos essenciais para equipar um centro de tratamento avançado e qu são essenciais nesse momento de pandemia. Confira e conheça alguns deles:

BOMBA DE INFUSÃO

BOMBA DE INFUSÃO

CARDIOVERSOR VIVO

CARDIOVERSOR VIVO

MONITORES DE SINAIS VITAIS

MONITORES DE SINAIS VITAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o Blog