Qual É o Melhor Respirador Para Hospital?

respirador-para-hospital

Nunca se falou tanto em respirador para hospital quanto agora, por conta da pandemia do coronavírus. No entanto, esse equipamento sempre foi e continuará sendo importante quando tudo isso passar. Dessa forma, é necessário saber como fazer uma boa compra a fim de garantir qualidade, precisão e atendimento adequado aos pacientes.

Neste artigo, você verá:

  • quais são os tipos de respiradores hospitalares que existem;
  • como comprar um respirador para hospital.

Quais são os tipos de respiradores hospitalares que existem?

Também chamado de ventilador, o respirador para hospital é um aparelho que administra a entrada e saída de oxigênio dos pulmões, quando o paciente não consegue fazer isso de maneira eficiente sozinho.

Dessa forma, o equipamento se torna essencial para a preservação da vida. Atualmente, como o coronavírus compromete a capacidade respiratória, ele está sendo ainda mais utilizado e indispensável.

Existem quatro tipos de respiradores, sendo que cada um é adequado para uma situação. Veja só!

Uso doméstico

Apesar do nome, o respirador de uso doméstico é um modelo portátil que costuma ser encontrado em clínicas e centros de recuperação. Ele também pode ser usado por pacientes que fazem tratamento em casa.

Esses equipamentos são indicados para evitar a fadiga muscular, cuidar do indivíduo em período pós-operatório, tratar hipoventilação, apneia, entre outros problemas. Eles podem realizar ventilação invasiva e não invasiva.

Anestesias

Há ainda um respirador para hospital específico para pacientes anestesiados. A diferença é que esse equipamento transporta oxigênio e gases pelo corpo que têm efeitos anestésicos.

Esse tipo de ventilador pulmonar é não invasivo, ou seja, nele o ar é trocado no corpo através de faciais máscaras que cobrem o nariz e a boca, e não através da intubação.

Transporte

Os respiradores para transporte são usados para quando é necessário transportar o paciente de um ambiente para outro. Eles servem ainda para situações de emergência e resgate.

Por se tratar de um equipamento para uso mais rápido, é menos robusto e fácil de manipular, já que possui menos funcionalidades. Outra característica é seu tamanho reduzido quando comparado a outros modelos — sem contar que eles são adaptáveis a vários perfis de pacientes, desde crianças até idosos.

Tratamento avançado

O respirador para tratamento avançado é um equipamento bastante versátil, usado em situações como paradas cardíacas e recuperação das funções respiratórias. Esse é o modelo mais completo que existe e que é usado em Centros de Tratamento Intensivo (CTI).

Esse ventilador respiratório possui várias funções, entre elas a de monitorar todas as taxas envolvidas na respiração artificial, e disponibiliza diferentes modos ventilatórios para se adaptar a diferentes situações e níveis de gravidade do estado paciente. Por ter um sistema mais robusto e completo, o modelo é o mais indicado para tratamentos mais longos, em que o paciente precisa ser assistido e monitorado por diversos dias, e em situações em que o quadro do paciente de independência ou dependência do ventilador irá variar.

Desse modo, o respirador avançado é a melhor opção pensando no ambiente hospitalar,pois garante um atendimento completo, afinal ele pode transitar desde o leito até o CTI e até mesmo acompanhar a recuperação e fase de adaptação do paciente na recuperação, conhecido como desmame, enquanto os outros modelos são adequados para situações específicas. Inclusive, a versão avançada é a que atende completamente os pacientes em caso de Covid e nos CTI.

Como comprar um respirador para hospital?

Como foi possível observar, não existe o melhor respirador, sendo que cada um é adequado para determinada situação. Por esse motivo, o ideal é ter um equipamento próprio para cada momento. e, pensando no hospital, como vimos o modelo avançado será o mais completo e capaz de atender uma gama maior de situações e estados dos pacientes.

No que se refere à marca escolhida, na hora da compra, é necessário observar se ela está de acordo com as normas da ANVISA. Isso significa que os produtos estão dentro dos parâmetros para garantir a saúde e o bem-estar do paciente, além de outras questões como diferenciais, técnicos, atendimento, suporte técnico dentro do Brasil, e peças de reposição, pensando no longo prazo.

E falando em fabricante, a CMOS DRAKE é referência em equipamentos médicos no mercado brasileiro, indústria 100% nacional com mais de 30 anos de tradição e parceria com as melhores tecnologias do mundo. A CMOS DRAKE investe constantemente em tecnologia e possui todos os certificados dos órgãos competentes, entre em contato com nossa equipe e conheça o ventilador da CMOS Drake para hospitais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para o Blog